8 de janeiro de 2008

Como activar a Standby Continuous Replication (SCR)

Standby Continuous Replication é uma das melhores funcionalidades introduzidas com o Exchange Server 2007 SP1.

Recentemente tive a oportunidade de utilizar SCR, pelo que segui os passos descritos no artigo da Microsoft TechNet, How to Enable Standby Continuous Replication for an Existing Storage Group. Uma vez que todos os transactions logs desde a criação do Storage Group não estavam disponíveis (o que é normal devido ao processo de backup), tive que utilizar seeding do nó passivo.

Estes são os passos necessários para este cenário:

  1. Garantir que podem ser utilizadas as mesmas paths dos ficheiros de transaction logs e da base de dados, tanto no SCR Source, como no SCR Target.
  2. No nó activo (ou SCR source) correr o seguinte cmdlet de Exchange Management Shell cmdlet:
    Enable-StorageGroupCopy -Identity 
    <NameofStorageGroup> -StandbyMachine
    <SCRTargetMachine> -ReplayLagTime 0.1:0:0

  3. Outra vez no nó activo, suspender a replicação:
    Suspend-StorageGroupCopy 
    -Identity <Server\StorageGroupName>
    -StandbyMachine <SCRTargetMachine>

  4. No nó passivo (ou SCR Target) correr o seguinte comando:
    Update-StorageGroupCopy 
    -Identity <Server\StorageGroupName>
    -StandbyMachine <SCRTargetMachine>

Este último passo vai iniciar a sincronização do ficheiro de base de dados do SCR Source para o SCR Target e pode demorar um bocado, dependendo da quantidade de dados a copiar. No final, o processo de réplica será automaticamente reiniciado.


Para verificar o estado da réplica, pode ser utilizado o seguinte cmdlet de PowerShell:

Get-StorageGroupCopyStatus -Server:<SCRTargetMachine>

4 comentários:

Bruno disse...

olá, não consegui montar o scr, acho q o erro esta no servidor, como monto o server ativo e o passivo?

Rui J.M. Silva disse...

Bruno, acho que primeiro que tudo deves consultar a documentação:
http://technet.microsoft.com/en-us/library/bb676502.aspx

Já agora, não te esqueças que é preciso o SP1!!!

Bruno disse...

rui, o resultado que cheguei foi replicar a base do server 01 para o 02, mas não tive mais evolução, você tem mais algum post descrevendo os passos de como chegou ao resultado de montar o server ativo e passivo em scr?

Rui J.M. Silva disse...

Bruno, os passos são os que eu descrevi. Isso deve ser suficiente. Mas o que estás à espera? Para além da replicação das bases de dados, não é suposto acontecer mais nada.